A arte do marketing estratégico: aprendizado, detecção e intuição de mercado

Aprendizagem de mercado

O primeiro passo no marketing estratégico é aprender com o mercado as mudanças nas preferências e atitudes dos consumidores. As empresas normalmente empregam agências de pesquisa de mercado para conduzir pesquisas e relatórios de pesquisa sobre como os consumidores e suas preferências, bens e serviços em relação a outros, estão mudando com o tempo.

Em outras palavras, as empresas tentam entender o mercado observando diretamente pesquisando os consumidores e descobrindo o que comprariam. Além disso, o aprendizado de mercado também envolve interação direta com os consumidores para tentar entender por que eles preferem uma determinada marca a outras. As estratégias que a empresa adota após o processo de aprendizado de mercado baseiam-se no feedback que receberam do terreno. Esse tipo de estratégia é bastante popular entre os profissionais de marketing e profissionais de marketing estratégico, pois os ajuda a ajustar suas estratégias com base nas preferências do mercado.

Detecção de mercado

Essa abordagem trata de dar um passo à frente do aprendizado de mercado e combinar dados e experiência para entender como o mercado se move. Em outras palavras, após a coleta de dados, os profissionais de marketing experientes ou talentosos juntam os dados e os modelos estratégicos de marketing e tentam perceber como o mercado se move. Para aqueles que seguem as bolsas de valores, o termo “humor do mercado” e “sentimento do mercado” são termos que podem ser conhecidos como sentir como o mercado se move com base em dados e na sabedoria da experiência acumulada.

Intuição do mercado

Discutimos como as empresas tentam entender as preferências do consumidor por observação direta e por um método analítico indireto de “perceber” como o mercado se moveria. O terceiro aspecto deste subtópico de marketing estratégico leva ainda mais longe o conceito ao adotar o que pode ser chamado de “Intuição do Mercado”. Em outras palavras, essa abordagem envolve conhecer a “mente e alma do mercado” e prever o futuro com base nos dados e em um entendimento intuitivo de como o mercado se moveria.

Para que não se pense que essa abordagem é como a astrologia ou outras formas de previsão, houve casos de profissionais de marketing como o falecido lendário Steve Jobs, que podiam “sentir o que estava no seu estômago” sobre como os consumidores iriam se reunir com as marcas ou abandoná-las. completamente. A idéia nessa abordagem é “antecipar-se” ao futuro, preparando-se para ele e, como diz o ditado, o acaso favorece a mente preparada. Portanto, depois de estudar o mercado por meio da observação direta, sentindo o humor do mercado, essa terceira abordagem é entrar na própria essência do consumidor, que tem a ver com como ele se comportaria no futuro.

Pensamentos finais

O principal aspecto aqui é que, no cenário de negócios em rápida mudança do século 21, não é apenas o suficiente para medir dados e proceder de acordo. Por outro lado, o comportamento do consumidor, que está em fluxo, não pode ser sentido apenas pela experiência. Portanto, a combinação das estratégias descritas aqui pode ser seguida para superar as expectativas dos consumidores e, obtendo insights sobre a mente do consumidor e entrando em suas mentes, os profissionais de marketing podem esperar superar a concorrência.